Suporte a Tv Amadora

A Partir de 18 de Maio os Lares Voltam a Receber Visitas Actualidade

A Partir de 18 de Maio os Lares Voltam a Receber Visitas

A Direção-Geral da Saúde divulgou ontem as orientações para as Estruturas Residenciais para Idosos (ERPI) e Unidades de Cuidados Continuados Integrados (UCCI), da Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados (RNCCI), voltarem a receber visitas a partir de 18 de Maio.

Entre as várias orientações, destaque para a necessidade do agendamento prévio das visitas, garantindo a devida higienização das mãos e utilização de máscaras, preferencialmente cirúrgicas. Deverá ainda existir um profissional da instituição responsável pelas visitas, as quais, para serem realizadas é necessário efectuar “um registo de visitantes, por data, hora, nome, contacto e residente visitado”. O tempo da visita não é ilimitado, não devendo exceder os 90 minutos. Numa primeira fase, as visitas devem acontecer uma vez por semana e deve apenas existir um visitante por utente.

A instituição deve garantir que as visitas sejam realizadas num espaço amplo e arejado, preferencialmente no exterior. Nem as salas de convívio ou os quartos devem ser utilizados para as visitas, salvo se trate de um utente acamado: “(...) não devendo ser realizadas visitas na sala de convívio dos utentes ou no próprio quarto, exceto nos casos em que o utente se encontra acamado (nos casos de quartos partilhados terão de ser criadas condições de separação física).”

Fica ainda a recomendação de que os visitantes não levem aos utentes objetos pessoais ou alimentos, assim como não devem circular pelas instalações sanitárias dos utentes.

Caso os visitantes testem positivo para a COVID-19 “devem informar a autoridade de saúde local, caso tenham visitado a instituição até 48 horas antes do início dos sintomas.”

Recorde-se que as visitas aos lares estavam suspensas desde o início de Março devido à pandemia da COVID-19.

Orientações